Parque das Nações 4975-8494 | Sta Terezinha 4997-2788 contato@wizardsantoandre.com.br

Vai viajar para os EUA? Então se prepare para as perguntas feitas pela imigração americana. Veja dicas para falar inglês na hora do desembarque!

Para se comunicar em inglês, em qualquer situação, é preciso relaxar e se sentir seguro(a). Para falar na imigração e na alfândega ao chegar e sair dos Estados Unidos, não é diferente. Por isso, listamos 8 dicas que vão te ajudar a ter mais confiança na hora de responder às perguntas feitas depois do desembarque.

Fique atento(a)! São essas respostas que permitirão, ou não, sua entrada no país. Confira abaixo! 😉

Defina seu tipo de visto

Esse é um bom primeiro passo para não cair em questionamentos que podem ser prejudiciais para a sua entrada nos EUA. Existem vários tipos de visto, pertencentes a categorias distintas.

Alguns exemplos: negócios, turismo, estudos, trabalho temporário, etc. E ter essa resposta na ponta da língua já é um ótimo começo.

Tenha em mente o propósito da viagem

Essa dica complementa a anterior. Como as possibilidades para visitas aos EUA são muitas, é importante que o entrevistador saiba, exatamente, o propósito da sua visita ao país. Portanto, esteja preparado(a) para responder se vai curtir as férias, se está numa viagem de trabalho ou se vai estudar idiomas.

Fale a verdade

Tentar burlar o sistema de imigração americano não é uma boa ideia. Por isso, é essencial que todas as suas respostas sejam sinceras. Que tal atestar todas elas com documentos comprovantes? Você obterá êxito na certa.

Cuidado para não cair em contradição

Esse conselho é outro complemento. Dessa vez, da dica 3. É preciso ter em mente que os entrevistadores sempre estarão atentos ao surgimento de possíveis contradições no seu discurso. Por isso, ser sincero(a) em todas as respostas é tão importante.

Tenha dinheiro em mãos (pelo menos um pouco)

Outro fator importante para o americano que vai te entrevistar na imigração, é ter certeza de que sua estadia no país é temporária, e que você terá recursos financeiros suficientes nesse período.

Por isso, por precaução, é aconselhável que os turistas tenham um comprovante de renda compatível com o valor de, pelo menos, USD 800 por mês enquanto forem ficar nos EUA.

Mostre os documentos de hospedagem

Assim como ter a posse de um comprovante de renda no momento de entrar nos EUA, ter os documentos de hospedagem em mãos é mais um facilitador. Isso porque, com ambos, você comprova o caráter provisório da estadia no país.

Mostre sua agenda de negócios

Para os profissionais que estão indo a negócios para os EUA. Uma relação dos compromissos relativos ao trabalho também entra para o grupo dos documentos que precisam ser apresentados na imigração.

Além dela, pode ajudar também, ter em mãos o contato da empresa junto com uma carta de apresentação que explique exatamente qual a finalidade da viagem.

Liste visitas anteriores para apresentar

Outro ótimo comprovante de que sua entrada nos EUA pode ser permitida tranquilamente são documentos que mostrem que você já visitou o país outras vezes.
Caso existam passaportes antigos, leve junto ao seu atual, pois eles contarão como pontos positivos.

Conclusão

Se você pensa em fazer intercâmbio ou viajar para os EUA, saiba que passar na entrevista da imigração americana exige, além de ter em mãos todos os recursos que te ajudarão na entrada no país, o domínio da língua inglesa. Se você não domina a língua, estudar e aprender inglês é extremamente importante.

Na Wizard, você aprende inglês de forma dinâmica e com qualidade. Com as aulas diferenciadas, que utilizam uma metodologia única de ensino. Acesse nosso site aqui.